avaliação de fornecedores avaliação de fornecedores

Como fazer a avaliação de fornecedores ao contratar um serviço?

4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

O fornecedor é um dos elos mais importantes na construção de um empreendimento sólido. Por isso que é recomendado fazer uma avaliação de fornecedores caprichada antes da contratação. Assim, você evita problemas e identifica quais são os serviços mais adequados para o seu negócio.

Ainda bem que existem algumas práticas para facilitar essa tarefa. Nesse sentido, daremos dicas sobre o que fazer na hora de escolher e negociar o fornecimento dos produtos usados por você. Vamos lá?

Dicas para fazer uma boa avaliação de fornecedores

Antes de decidir quem contratar para fornecer um novo produto para o seu negócio, você precisa adotar critérios e medidas importantes. Veja quais são!

Busque pelos indicadores corretos

Existem formas mais e menos eficazes de fazer uma avaliação de fornecedores. Em muitas delas, você pode utilizar a internet para ter acesso a tais indicadores. Um primeiro ponto a ser observado é a confiança dos sites que está consultando.

Alguns lugares já são bem conhecidos por muitos usuários para formularem opiniões sobre determinado serviço. O site ReclameAqui, por exemplo, tem avaliações de inúmeras empresas feitas por consumidores brasileiros. Inclusive, há espaço para resposta da própria empresa para as queixas.

Além de sites de avaliação, você pode checar as redes sociais da marca. Certamente, haverá algum conteúdo ou comentários de usuários sobre o produto. Só não se prenda a uma única fonte. Apesar de muito úteis, as redes também costumam nos enganar e não representar a realidade das empresas.

Procure pela certificação ISO 9001

Aí está um atalho seguro para começar a separar os bons fornecedores daqueles mais duvidosos. Você já deve ter escutado esse nome, mas sabe o que realmente significa?

A certificação ISO 9001 é um conjunto de normas que integram o conjunto maior ISO 9000. Esta foi criada e é atualizada por uma junta de organizações não governamentais internacional. Na prática, o ISO 9001 é como um selo, que atesta determinadas características de segurança e qualidade do produto ou serviço prestado.

Existe uma ampla variedade de práticas e de mercadorias que podem receber a certificação. Não custa dar uma pesquisada nesse ponto antes de fechar o negócio. Certifique-se de que a instituição tem ISO 9001 regularizado.

Conheça as qualificações, práticas e processos de gestão

Além dos indicadores externos e da adequação às normas, as fontes a respeito do próprio negócio podem dar pistas interessantes para desenhar sua avaliação de fornecedores. Não apenas as redes sociais, como também o próprio site da empresa pode ter informações importantes.

Sendo assim, aproveite para entender as práticas realizadas, como formas de oferecimento do serviço e disponibilidade de manutenção pós-venda. Também veja as qualificações, consulte os valores (se possível) e colete outras informações úteis para fazer a avaliação do fornecedor.

Lembre-se de que, no fim das contas, quem levará a responsabilidade pelas falhas em sua entrega não será o fornecedor, e sim a sua própria marca. Mais do que a avaliação de fornecedores em si, todo um processo de gestão da entrada e do gasto com esses insumos deve ser elaborado e documentado minimamente.

Além disso, não se esqueça do relacionamento e da negociação com o fornecedor em questão. São aspectos que também devem ser trabalhados por você ou pelos responsáveis pelas compras na empresa.

Gostou das dicas? Divulgue o post em suas redes sociais e leve adiante o conhecimento que você adquiriu!

Posts relacionados

Deixe uma resposta